AMOR DE DEUS



Meditar o Amor de Deus é certamente o tema mais profundo e transcendente de nossa vida espiritual. É também um dos temas mais comentados hoje em dia, só que não se pode meditá-lo superficialmente, antes é necessário ter presente que Deus ama como um Pai amoroso, ama de maneira pessoal e de forma incondicional.

Deus o ama e o aceita pelo que você é, não pelo que você tem ou sabe fazer, pela sua posição ou seu nível social. Não importa o que tenha feito. Você é Filho de Deus. feito à sua imagem e semelhança. Tome consciência dessa dignidade.

Se Deus o ama tanto porque é que muitas vezes você não sente esse amor, o que impede de experimentar e gozar do Amor de Deus? Essa palestra vai tentar justamente ajudá-lo a descobrir essa resposta.

Para tanto é necessário ter presente a seguinte frase da Sagrada Escritura, pois nela, de certa forma o desígnio do Senhor para vida de cada Filho é revelado.

Diz o Senhor, aquele que te criou: não temas, porque eu te chamei pelo teu nome. És precioso aos meus olhos, eu te aprecio eu te amo: não temas, por que é estou contigo” (Is 43, 1-5)
Chamei-te pelo nome”

Deus chama você, pessoalmente, pois Deus é pessoa, aliás é três vezes pessoa, e só sabe tratá-lo assim, portanto quer de você um relacionamento pessoal.

Deus não o trata como um número (do seu RG) como para sociedade, nem mesmo como um grupo (Grupo de Jovens) etc, Deus o pensou e o amou, por isso o criou, porque antes o amou e só por isso você está aqui, não importa quais foram as circunstâncias do seu nascimento, o fato é que Deus o pensou, amou e criou.

“És precioso aos meus olhos”

Você, individualmente, com toda a sua história, com a sua condição atual, com seu rosto, nome próprio, vocação, estado de vida, enfim, você Alessandra, Maria, Rodrigo.... é precioso aos olhos do Senhor.

“Não temas”

Para que você possa acolher o Amor de Deus deve nesse momento rejeitar todo vão temor, falta de estima, todo sentimento de que você não vale nada, todo defeito que sufoca, todo sofrimento que o aprisiona. E por quê?

“És meu”

Você deve deixar de lado todo vão temor, porque pertence a Deus, e todo mundo cuida do que lhe pertence, quanto mais Deus. “Ele mesmo nos fez e somos seus” (Sl 99, 3).

Note como seria deselegante você dar um presente a alguém e depois querer ficar tomando conta do que deu, uma vez dado, pertence a outra pessoa. Analogamente é o que acontece com quem se entrega a Deus, uma vez deu a vida, deixe que Ele cuide, pois cuidará como um pai amoroso.
Se você deixasse que somente essa realidade penetrasse o seu coração já seria suficiente para transformá-lo. Mas a realidade é que ainda que você aceite teoricamente essa verdade, existem situações que o impedem, na prática, de sentir e penetrar no Amor pessoal e Incondicional do Senhor.

Quais são algumas dessas situações?

- 1º Imagem deformada de Deus (Juiz Severo);

- 2º Imagem paterna ferida;

- 3º Pecado;

Tendo presentes esses três aspectos, principalmente o terceiro, você poderá redescobrir o amor de Deus na sua vida.


1º) Imagem deformada de Deus.

 
Talvez você tenha aprendido de uma forma distorcida a onipresença de Deus, tendo presente talvez, apenas que Ele tudo vê, que vê tudo o que você faz de errado para poder condená-lo. Quem nunca ouviu a frase: não faz isso porque Deus castiga!

É verdade que Deus é onipresente sim, mas o que muitas vezes você esquece é que isso O torna presente em todos os momentos da sua vida, se você está alegre, Ele se alegra ao seu lado, se você está sofrendo da mesma forma Ele sofre com você. Assim que nos momentos de angústia você não pergunte mais: onde está Deus? antes, tenha presente que Ele está exatamente ali junto de você como um pai amigo e amoroso.



2º) Imagem paterna ferida.

O problema da paternidade é um dos grandes males do mundo contemporâneo, e isso ocorre pela decadência da família, tão estimulada pela sociedade. Pode ser que você não tenha sentido desde cedo o amor do seu pai.

Pode ser que por vários motivos, bebida, jogo, adultério, violência ou simplesmente indiferença, você não tenha recebido a segurança do amor paterno e devido a essa imagem paterna ferida aqui na Terra, você não consiga entender o amor de Deus como um Pai amoroso.

Deus é seu Pai, o Pai de Jesus, é tão bom, tão amoroso que o próprio Jesus nos ensinou a chamá-Lo por Pai, mais do que isso, O chamava de Abba,que quer dizer papaizinho.

Tenha presente isso, Deus é Pai, mas um verdadeiro Pai, com todos atributos que se pode esperar disso, amigo, amoroso, sincero, leal, companheiro, presente....etc.

A partir de hoje esforce-se em tomar posse do que você já recebeu no Batismo, a filiação divina.

3º Pecado

A terceira situação e também a que mais coloca obstáculo ao Amor de Deus é justamente o pecado.

“Abandonaram a mim, fonte de água viva, para cavar cisternas fendidas que não retém água” (Jr 2,13)

“Todos pecaram e por isso estão privados da glória de Deus” (Rm 6,23)


Como diz a palavra de Deus, é o pecado que causa secura e priva da graça de Deus, bem como da possibilidade de sentir o seu amor. E quais são as conseqüências disso?

As conseqüências são várias, primeiramente a perda da graça santificante, que é o maior tesouro que você pode ter na vida e em conseqüência disso vem o medo, a vergonha, a tristeza, o ódio, a inveja, o orgulho, a ira, o apego desordenado as coisas e as pessoas, a sensualidade desregrada, enfim, a morte.

Portanto para poder sentir, acolher, gozar e experimentar o Amor de Deus é necessário entregar o que Ele já comprou de você e a preço caro, o seu pecado, a propósito, qual foi o preço do seu pecado para Jesus? Medite!

A única coisa que você pode entregar a Deus, que não veio dEle próprio é o pecado, portanto converta-se, ou seja, mude de vida, de direção, afaste-se do pecado para ir em uma nova direção, a direção que te permitirá tomar posso do verdadeiro Amor.

Jesus é a solução do seu pecado

Todo pecado é ilusório, só traz soluções aparentes, superficiais, provisórias e parciais, chega! Ë necessário ir de uma vez por todas ao encontro do que realmente pode trazer felicidade plena. Qual é a solução de Deus pra sua vida?

Jesus Cristo é a solução do Pai, a única solução VERDADEIRA, RADICAL, DEFINITIVA e INTEGRAL

Como acolher o Amor de Deus

É necessário tomar posse do Amor que o pertence, e para isso deve-se percorrer o caminho aqui indicado, que passa também pela libertação de todo ressentimento e de todas as obras de satanás.

O ressentimento é também um dos maiores impedimentos ao Amor de Deus, pois aquele que não é capaz de perdoar, também não é capaz de acolher o perdão de Deus e por isso não sente o seu Amor.

“temos de Deus este mandamento: aquele que ama Deus, ame também o seu irmão”(1Jo 4,20)

Pergunte-se a si mesmo, a quem ainda devo perdoar? Examine-se profundamente, pois pode ser que você nem sequer tenha consciência de qual é o rancor que o impede de amar e de ser amado pelo seu Pai Amigo e amoroso.

Faça o sincero propósito ao sair daqui de se reconciliar com essa pessoa ainda que isso lhe custe, a recompensa você verá, ou melhor sentirá, é o Amor de Deus.

Outra exigência é a renúncia das obras de Satanás: idolatria, ocultismo, adivinhação, sortilégio, horóscopo, esoterismo, maçonaria, superstição etc.

A renúncia a essas obras diabólicas é uma exigência primeira de conversão. Como diz a Palavra de Deus em Dt 18, 9-12.
Portanto irmãos, para que você possa sentir verdadeiramente o Amor de Deus siga este roteiro, pede ao Espírito Santo que o convença de seus pecados, que o dê também o dom do sincero arrependimento, aproveitando que o tempo da quaresma é muito propício e convidativo à conversão e para que através da confissão sacramental você possa receber esse abraço amoroso do teu Pai Deus afinal...

Diz o Senhor, aquele que te criou: não temas, porque eu te chamei pelo teu nome. És precioso aos meus olhos, eu te aprecio eu te amo: não temas, por que é estou contigo” (Is 43, 1-5)”.

E se por acaso o caminho parecer difícil e pedregoso, lembra que você também tem uma Mãe, a Virgem Maria, Ela é o Refúgio dos pecadores, certamente o acolherá, segurará na sua mão e o ajudará a seguir esse caminho de forma segura e confiante.

 


Alessandra  – (10 de março de 2010 12:54)  

Essa apostila sobre o amor de Deus é maravilhosa. Ela foi usada como base para várias palestras em minha paróquia e fora dela!

Postar um comentário

Google+ Followers

Translate

  © Blogger template Shush by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP